Conheça qual é a rodovia mais perigosa do Brasil

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

As estradas brasileiras acumulam diversos acidentes e podem ser consideradas uma das mais perigosas do mundo. Seja para quem transita de uma cidade a outra a passeio ou realizando o transporte de carga,  assaltos e acidentes são situações muito frequentes e amedrontam os motoristas pelo Brasil. Aqui existem muitas rodovias perigosas da qual os motoristas devem tomar muito cuidado ao passar. Após dirigir por elas, é importante ficar atento para evitar situações de risco.

Confira abaixo algumas delas:

BR-222 (Ceará)

A rodovia 222 não é tão perigosa do quilômetro 0 ao 10, mas a Polícia Rodoviária Federal já registrou mais de 168 acidentes graves no último ano, com 204 feridos graves e 8 mortes. Por conta do alto número de acidentes é importante evitá-la.

BR-101 (Santa Catarina)

O perigo “mora”entre os quilômetros 210 e 220, pois nessa região foram registrados cerca de 79 acidentes graves, com o mesmo número de pessoas feridas e cerca de 12 óbitos. Já entre os quilômetros 200 e 210, foram registrados cerca de  130 acidentes, com 139 pessoas feridas.

BR-101 (Espírito Santo)

No sentido Espírito Santo, bem no trecho entre os quilômetros 260 e 270 podemos encontrar um dos pontos mais perigosos do Brasil. Nesta região, foram registrados 115 acidentes, com 11 mortes e 138 pessoas feridas.

BR-316 (Pará)

Nesta parte do norte do Brasil, entre os quilômetros 0 ao 10, já foram registrados 90 acidentes, com 9 pessoas que foram a óbito e 94 pessoas feridas. Recomenda-se sempre desviar o caminho ou evitar passar por essa parte da rodovia do Paraná.

Nesse sentido, na hora de fazer o transporte de carga, é importante que seja feita a contratação de uma empresa e de um profissional realmente capacitado. Se você ainda tem dúvidas sobre onde contratar, entre em contato conosco! Aqui nós temos os melhores da área para lhe ajudar!


Deixe seu Comentário.



Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×